Comentário: Escalada da disputa comercial não irá resolver nada