Comentário: por que o silêncio das autoridades suecas?