Previdência terá que ser discutida novamente em até seis anos, diz Mourão